Instituto Brasileiro de Ação Responsável

E-mail Imprimir PDF

X Fórum Nacional de Políticas de Saúde no Brasil
22 de maio de 2018 - Brasília

Descrição: Atualmente, aproximadamente 8 mil tipos de doenças raras já foram identificadas ao redor do planeta. No entanto, o tema não é tratado nas universidades de medicina e muitas delas a ciência ainda desconhece. Resultado: o diagnóstico precoce, fundamental para qualquer tratamento, é prejudicado.
Mas esse é apenas uma das questões que precisam de solução quando se trata de doenças raras. Pontos que são abordados durante o X Fórum Nacional de Políticas de Saúde, no próximo dia 22, em Brasília.
Políticos, especialistas, iniciativa privada e acadêmicos estarão juntos em busca de soluções.
Nesta edição do Fórum, duas doenças terão atenção especial: hemofilia, que atinge 11.500 pessoas no Brasil, segundo o Ministério da Saúde, que ainda não podem contar com um programa de atenção global; e os cânceres raros, difíceis de serem tratados por causa da descoberta tardia e sequer contam com estatísticas no Brasil.

Público: Governos (Poder Legislativo, Executivo e Judiciário); Setor Privado (Indústrias e Comércio); Profissionais do Setor; Redes Virtuais; Mídias Impressas; Instituições Nacionais e Internacionais; Centros de Pesquisa; Universidades e Terceiro Setor.

Instituições parceiras: Congresso Nacional; Ministério da Saúde; Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD; Agência Íntegra Brasil e Interlegis.

| Nota técnica sobre o evento

Serviço: X Fórum Nacional de Políticas de Saúde no Brasil
Local: Auditório Antonio Carlos Magalhães no Interlegis (Senado Federal), Brasília/DF
Data: 22 de maio de 2018, terça-feira, das 14 às 18h
Realização: Instituto Brasileiro de Ação Responsável
Coordenação: Agência de Integração à Saúde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Social do Brasil - Íntegra Brasil

Inscreva-se AQUI

 

 

Estais aqui Home