Instituto Brasileiro de Ação Responsável

Vídeos - V Fórum Nacional de Agronegócios no Brasil

E-mail Imprimir PDF

Clementina Moreira Alves

Ética e eficiência podem impulsionar agronegócio no país 

“Trazer ao Congresso Nacional reflexões para orientação de diretrizes que convergem ética e eficiência em gestão de agronegócio é um momento especial de impulsionar ainda mais o setor", afirmou a presidente do Instituto Brasileiro de Ação Responsável e diretora Executiva da Agência Íntegra Brasil, Clementina Moreira Alves, na abertura V Fórum Nacional de Agronegócios no Brasil: Desafios e Oportunidades - Ética, Inovação e Eficiência, realizado em Brasília. O evento foi organizado em parceria com o Senado Federal para debater a formação de políticas públicas que envolvam ética, inovação e eficiência em favor de um agronegócio mais competitivo e sustentável.

 


   Waldemir Moka 

Brasil será responsável por alimentar o mundo, diz senador

O senador Waldemir Moka (PMDB-MS) foi um dos participantes na mesa de abertura do fórum. Em sua palestra, o parlamentar ressaltou o papel do Brasil no mercado global e defendeu investimentos em inovação para o agronegócio.

 


Antônio Helder Medeiros Rebouças 

Gestores e agricultores devem estar atentos às mudanças na legislação do agronegócio

Antônio Helder Medeiros Rebouças, diretor-executivo do Instituto Legislativo Brasileiro do Senado Federal, alertou para o volume de projetos que tramitam no Congresso Nacional e vão afetar direta e significativamente o agronegócio brasileiro.. O especialista alertou para a importância de o agricultor e os gestores estarem atentos às mudanças na legislação.

 


Luís Eduardo Pacifici Rangel 

Mitos sobre os impactos do agronegócio repercutem de forma negativa no setor

Luís Eduardo Pacifici Rangel, secretário de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, abordou os mitos sobre os impactos do agronegócio que, de tanto serem repetidos, se tornaram verdades absolutas segundo ele. De acordo com o secretário, 9% do território brasileiro é dedicado à agricultura e 21% à pecuária.

 


Wellington Fagundes

Produtividade deve ter selo ambiental e social, defende senador

O senador Wellington Fagundes (PR-MT), membro titular da Comissão de Agricultura e Reforma Agrária do Senado Federal, também participou da mesa de abertura do evento. Na palestra, o parlamentar defendeu um selo ambiental e social para a produtividade e alertou para os prejuízos que a má conservação das rodovias causa para o setor. 

 


  Nilson Leitão

Agricultor ainda sofre preconceito no Brasil diz parlamentar 

O deputado federal Nilson Leitão (PSDB-MT), presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), observou que ainda há no Brasil um preconceito com o agricultor e com o meio rural. “Esse é o setor que mais gera emprego no Brasil. É o grande responsável pelo PIB brasileiro. Precisa melhorar em muita coisa, mas principalmente na comunicação, se não vai continuar sofrendo muito preconceito”, argumentou.

.

 



Elísio Contini

Especialista mostra fatores que impedem fortalecimento do agronegócio no Brasil 

O chefe da Secretaria de Inteligência e Macroestratégia da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Elísio Contini, foi um dos palestrantes da mesa técnica do V Fórum Nacional de Agronegócios no Brasil. O especialista destacou os que considera serem pontos negativos para o crescimento do setor, como a reforma agrária, a política de reter o homem no campo, a exclusão de pequenos produtores, a legislação anti-desenvolvimento, a falta de infra-estrutura e as ideologias. 

 


  Luiz Roberto Barcelos  

Aumentar a rastreabilidade no agronegócio pode elevar a confiança nos produtos brasileiros 

Luiz Roberto Barcelos, presidente da Associação Brasileira dos Produtores e Exportadores de Frutas e Derivados, destacou a importância de aumentar a rastreabilidade no agronegócio para elevar a confiança sobre a qualidade dos produtos brasileiros, por meio das certificações. De acordo com Barcelos, o grande desafio do Brasil é estabelecer uma normativa de rastreabilidade. 

 


   André Salvador

Uso de tecnologia reduz custos e aumenta eficiência no agronegócio 

André Salvador, diretor de Digital Farming da Bayer CropScience, apresentou no fórum um case de boas práticas para o combate de plantas daninhas - um dos maiores desafios do agricultor. Salvador mostrou o projeto piloto, que usa um drone helicóptero para filmar e mapear o campo e assim identificar os locais afetados. O mapeamento do território permite que o agricultor trate do problema isoladamente e com o uso dos produtos corretos, gerando economia de mão de obra e herbicidas. 

 


     Marco Giotto 

Especialista defende segurança nas práticas agrícolas 

“A agricultura deve ser segura para quem faz, para quem consome e para o meio ambiente”, defendeu o consultor da Global Gap, Marco Giotto, em sua palestra no evento. Giotto fechou o ciclo de palestras do evento discorrendo sobre as boas práticas agrícolas e destacando a importância da segurança em todos os processos da cadeia de produção. 

 


  

  Para acessar textos, fotos e palestras do evento Clique Aqui


 

 

 

 

Albertina Duarte Takiute abre o II Fórum Nacional de Planejamento Reprodutivo

Normal 0 21 false false false PT-BR X-NONE X-NONE

 

 

 

 

 

 

Estais aqui TV Ação Responsável